Pesquisar
Close this search box.

Comunicação segura: como ela fortalece o ambiente de trabalho?

Menu do Artigo

Tempo de Leitura: 4 Minutos

A boa comunicação é um pré-requisito para qualquer trabalho que envolva mais que uma pessoa.

Comunicar é transmitir, com eficiência, uma informação para alguém. Tanto para estabelecer objetivos quanto para executá-los e informá-los(1), faz-se necessário um bom uso das palavras.

Assegurar a comunicação segura significa garantir a livre expressão, o compartilhamento de informações, o fornecimento de feedback e o sigilo, quando necessário.

Um ambiente com comunicação segura permitirá que todos possam falar e se expressar, que as opiniões serão levadas em conta. E por isso, há respeito e valorização.

O ambiente de trabalho é um dos contextos em que a comunicação segura se faz essencial. Repassar informações da forma correta, no trabalho, é uma responsabilidade de todos. Os erros na comunicação podem implicar em retrabalho, atrasos, falhas, e até em acidentes de trabalho.

Se você deseja implementar um Canal de Denúncias em sua empresa, fale com nossos especialistas.

Neste artigo vamos explorar o papel da comunicação segura para o fortalecimento das relações, do clima organizacional — do ambiente de trabalho como um todo.

A comunicação segura no ambiente de trabalho

Se você acredita nos valores da integridade, da ética e da transparência, e deseja torná-los parte do cotidiano de sua organização, aposte na comunicação segura.

Uma comunicação segura significa, em suma:

  • liberdade de expressão;
  • escuta e consideração das ideias e opiniões;
  • proteção contra retaliação;
  • garantia de privacidade e sigilo.
02 Meses de Isenção

Se um colaborador está numa empresa que garante a comunicação segura, significa que ele pode se expressar livremente, sem medo de retaliação e julgamento, que suas ideias serão consideradas, e que haverá sigilo sempre que for necessário.

No cotidiano do trabalho, muitos processos desenvolvem-se por meio da comunicação. Processos de criação e tomadas de decisão, resolução de problemas, acompanhar o andamento das atividades de outros membros de uma equipe, contatar clientes, apresentar resultados — todas essas operações são, basicamente, comunicativas.

E a comunicação só funciona quando há liberdade, consideração, proteção e sigilo.

É muito importante escolher o que se vai dizer ou escrever, é claro. Na hora de comunicar, toda compostura é bem-vinda. 

Entretanto, quando, no processo comunicativo, estão presentes a censura, o medo, o julgamento e a possibilidade de retaliação, então não é mais possível comunicar ideias. Ninguém mais diz o que pensa.

E, se ninguém mais diz realmente o que pensa, só dirão o que todos já sabem — o que já é aceito, e morre, assim, a capacidade de inovação, a troca produtiva de ideias, a capacidade de “pensar fora da caixa”.

Portanto, trabalhar na segurança da comunicação em sua empresa pode retirar a sua organização de um estado de rigidez, dar fluxo aos processos, e gerar novas saídas para problemas antigos.

Como oferecer mais segurança aos colaboradores?

Para oferecer mais segurança para os colaboradores no contexto da comunicação, além de implementar os valores acima citados, é importante considerar os obstáculos que já se fazem presentes.

Algumas das questões que atrapalham a renovação da cultura de comunicação numa empresa são:

  • A cultura organizacional: se a empresa se caracteriza por uma rigidez insalubre da hierarquia, pelo excesso de regras, pelo uso da ameaça e da censura como formas de controle (nos piores casos), será mais difícil implementar uma estratégia de comunicação segura. Será preciso renovar a cultura organizacional.

  • Resistência natural à mudança: em todo processo de transformação, há uma força que sustenta a permanência — todo movimento para mudança gera algum tipo de resistência. Um número de pessoas na organização, por questões de personalidade e cultura, irão se posicionar contra as mudanças; outras levarão os antigos medos para a nova realidade. É comum que isso aconteça, e o processo de readaptação pode ser longo.

  • Problemas próprios da comunicação: falta de habilidades de comunicação e barreiras culturais são sempre um empecilho para criar uma nova estratégia de comunicação. Nesse caso são bem-vindos treinamentos, cursos e workshops com o tema comunicação, para que os colaboradores possam se desenvolver na própria habilidade e serem capazes de desfrutar dos benefícios trazidos por uma comunicação segura.

Dessa forma, é importante, ao planejar modificações na cultura de comunicação da empresa, fazer um diagnóstico da situação atual, identificar os problemas mais urgentes e iniciar a mudança aos poucos.

Os resultados, entretanto, valerão o esforço.

O papel do Canal de Denúncias

O Canal de Denúncias é certamente uma forma de oferecer mais segurança aos colaboradores de uma organização.

Para modificar o cotidiano dos processos de trabalho, apostar em estratégias de comunicação segura é fundamental. 

Mas, para lidar com as irregularidades e as más condutas, não há ferramenta mais eficiente que o Canal de Denúncias. A plataforma oferece um espaço seguro para o relato de questões mais graves que exigem uma ação mais enérgica.

Conclusão

A comunicação segura fortalece o ambiente de trabalho ao criar segurança, liberdade, motivação, responsabilidade e ao valorizar as ideias e opiniões dos colaboradores.

Alguns obstáculos podem dificultar a modificação da cultura de comunicação numa empresa, e é importante conhecê-los de antemão. 

Para estabelecer uma comunicação segura dentro da sua organização, é preciso criar espaços de comunicação livre, acabar com a cultura do julgamento e da retaliação, garantir o sigilo, e implementar um Canal de Denúncias, para que irregularidades e más condutas possam ser comunicadas efetivamente.

Ainda não conhece o nosso Canal de Denúncias? Fale com um de nossos especialistas.

Fonte:
(1) https://tinyurl.com/e5ypa69t

4.8/5 - 251 votos

Solicite um orçamento gratuito em apenas 3 passos:

Saiba como contratar em apenas 3 passos: