Pesquisar
Close this search box.

Importância da comunicação interna para o clima organizacional

Tempo de Leitura: 5 Minutos

O clima organizacional é de extrema relevância para a satisfação das pessoas e o alcance dos resultados e objetivos corporativos.

Dessa forma, a comunicação é uma medida imprescindível para contribuir com um clima saudável e, no presente artigo, vamos detalhar um pouco mais sobre esse tema.

Boa leitura.

O papel da comunicação

A comunicação interna ajuda a criar um ambiente de trabalho transparente, no qual os funcionários entendem as metas, os valores e as expectativas da empresa, promovendo o alinhamento empresarial.

Afinal, ela é um fator importante no engajamento e motivação, à vista de poder ser o veículo para repassar, de maneira clara e frequente, as conquistas e os desafios da instituição, aumentando a conexão das pessoas com o trabalho.

A comunicação também desempenha um papel crucial na gestão das transformações necessárias, ajudando a força de trabalho compreender e se adaptar às mudanças, reduzindo a resistência e o estresse.

A comunicação aberta permite aos funcionários expressarem preocupações, sugerirem soluções e se envolverem na resolução de problemas, contribuindo para um clima organizacional mais saudável.

Uma comunicação colaborativa incentiva a troca de conhecimento, ideias e contribuições entre os colegas, promovendo a inovação e o espírito de equipe.

No entanto, a comunicação precisa ser efetiva. Do contrário, os benefícios citados não serão sentidos.

Se você deseja implementar um Canal de Denúncias em sua empresa e não sabe por onde começar, fale com um especialista da Contato Seguro.

O que é comunicação é efetiva

Para existir comunicação existem, no mínimo, dois atores: o emissor e o receptor. 

Uma comunicação será efetiva se o receptor captar e entender, com certa precisão, o desejado pelo emissor. Ou seja: quem comunica deve saber o que comunicar e se esforçar ao máximo para o receptor absorver a essência da sua comunicação.

Muito comum, no ambiente institucional, as falhas de comunicação gerarem retrabalhos, perdas, prejuízos, insatisfação de clientes, etc. Além, é claro, de poderem suscitar desentendimentos pessoais, afetando as relações humanas. E buscar a comunicação efetiva visa, justamente, evitar esses problemas!

Como fazer uma comunicação efetiva?

Para a comunicação ser efetiva, é imperioso expressar-se de maneira clara, com frases precisas e com o cuidado de se colocar no lugar do seu interlocutor, a fim de se certificar que o entendimento será alcançando.

Nas comunicações corporativas, onde ela será direcionada para muitos colaboradores, acrescentam-se aí diversos desafios e, para suplantá-los, confira as dicas em seguida:

  • Defina o objetivo da comunicação: o que se pretende alcançar com ela.

  • Identifique o público-alvo: quem são as pessoas às quais a comunicação será endereçada. Observe que é habitual existirem vários grupos de indivíduos, quer dizer, diferentes públicos-alvo.

  • Escolha o melhor veículo de comunicação, a fim de aumentar as chances de se alcançarem os objetivos definidos.

  • Elabore a comunicação com o conteúdo pertinente, considerando todos os públicos-alvo e os veículos existentes, utilizando linguagem apropriada, sempre com foco nos objetivos traçados.

  • Estabeleça critérios para avaliar a efetividade da comunicação: vale construir indicadores quantitativos e qualitativos, com metas e métodos de apuração.

  • Faça a comunicação, meça e analise os resultados, defina medidas de melhoria e implemente-as, para ter uma comunicação ainda melhor na próxima vez.

Ainda para as comunicações corporativas, quando ela se propõe a atender um determinado programa, por exemplo o Compliance, sugere-se a elaboração de um Plano de Comunicação para, além de colocar em prática todas as dicas acima, incluir pelo menos o cronograma, prazos, responsáveis e orçamento, ingredientes salutares para a efetividade.

Depreende-se daí que a comunicação não é o ato simples de juntar algumas palavras e enviá-las a esmo! Pelo contrário, ela demanda cuidado e planejamento. 

A comunicação efetiva e o clima organizacional

Uma comunicação efetiva pode contribuir sobremaneira para evitar a degradação do clima organizacional, atuando de modo concreto em diversas de suas causas, como por exemplo: descumprimento das leis trabalhistas, de segurança no trabalho ou saúde ocupacional; falta de orientações ou regras claras para a boa execução das tarefas; ocorrência de assédios, discriminação, bullying, racismo e desrespeito nas relações humanas no cotidiano.

Veja alguns efeitos obtidos a partir de uma comunicação efetiva, visando a melhoria do clima organizacional:

  • Fortalece a cultura da ética e da integridade, privilegiando as atitudes corretas no dia a dia, o respeito mútuo, a colaboração, a meritocracia, etc.

  • Sensibiliza e conscientiza os funcionários acerca de se fazer o certo, repelindo irregularidades, ilicitudes e fomentando a manifestação espontânea e rápida de condutas antiéticas.

  • Dissemina políticas e regras para favorecer o exercício adequado das atividades, dos processos e atitudes esperadas dos colaboradores, por parte da empresa.

  • Divulga as ações em benefício dos funcionários, as conquistas empresariais e demais informações proveitosas para o fortalecimento do orgulho em se trabalhar nessa organização.

  • Reforça a busca pelo engajamento e apoio de todos para a manutenção de um ambiente saudável, inclusive, encorajando os colaboradores a fazerem denúncias de boa-fé, caso tenham conhecimento ou suspeita de irregularidades.

Inúmeros outros exemplos poderiam ser citados. No entanto, apenas esses já são capazes de demonstrar o poderio da comunicação em beneficiar o clima organizacional.

clima organizacional positivo e-book

Conclusão

A comunicação tem papel fundamental numa organização pois, por meio dela, pode-se criar um ambiente de trabalho transparente, atuar no engajamento e motivação dos funcionários, contribuir com as mudanças, auxiliar a troca de conhecimentos e espírito de equipe e, de modo inequívoco, promover um clima de trabalho mais saudável.

Contudo, surgirão efeitos benéficos apenas se a comunicação for efetiva. Caso haja falhas de comunicação, surgirão retrabalhos, prejuízos e danos à relação humana, como consequências comuns.

Para se obter uma comunicação efetiva, é imprescindível expressar-se claramente, com frases precisas e assegurar o perfeito entendimento por parte do interlocutor.

Além disso, nas comunicações corporativas, é preciso definir o seu objetivo, identificar o público-alvo, escolher bem o veículo da comunicação e elaborar a comunicação levando em conta todos os públicos.

Assim sendo, é possível perceber a importância da comunicação para o clima organizacional, pois ela fortalece a cultura da ética e integridade, sensibiliza os funcionários, dissemina as informações relevantes para o exercício dos direitos e cumprimento dos deveres de cada um, etc.

Quer saber mais sobre como um Canal de Denúncias pode ajudar? Fale com um especialista.

4.8/5 - 239 votos

Solicite um orçamento gratuito em apenas 3 passos:

Saiba como contratar em apenas 3 passos: